ASSESSORIA DE IMPRENSA

PARA

image
Olá,

Nós formamos a Baú!

Somos dois “bauzeiros”. Bauzeiros da cultura e do melhor do entretenimento da nossa capital federal. Com uma identificação totalmente relacionada e voltada para promover estabelecimentos e a arte nas terrinhas do cerrado, os jornalistas Camila Rezende e Michel Toronaga comandam a Baú Comunicação. A assessoria surgiu de uma ideia diferente, alternativa e artística. Não à toa, o termo “Baú” significa ônibus, uma gíria típica dos moradores do Planalto Central. Mas “Baú” também vai além. É uma caixinha onde vamos destrinchar e oferecer um serviço personalizado para nossos clientes, além de atender a equipe de jornalistas do Distrito Federal.


Pré
Releases

Desenvolvimento de pautas, textos e notas para a imprensa

Exclusividade

Criação de materiais exclusivos para os veículos de maior influência

Envio

Elaboração de mailling-list adequado ao cliente


Pós
Follow up

Confirmação de recebimento e venda personalizada das pautas

Participação

Acompanhamento de jornalistas e presença da equipe em eventos

Eventos

Organização de coletivas, almoços e demais reuniões com a imprensa


Resultados
Bom relacionamento com a mídia
Reconhecimento no seu ramo
Divulgação ampliada
Fortalecimento de imagem
Prevenção e gerenciamento de possíveis crises

CLIENTES

O QUE OFERECEMOS

Assessoria de imprensa

Criação de pautas para inserção do cliente na mídia

Redes sociais

Administração de redes como Facebook e Instagram

Fotografia

Cobertura fotográfica, filmagens e demais gravações

Design

Confecção de cartazes, peças promocionais exclusivas

Relatório

Clipping com apresentação dos resultados alcançados

Saiba mais

Conheça melhor todos os nossos serviços e soluções integradas

ALGUNS TRABALHOS

Game brasiliense aborda temas históricos

 Uma época de injustiças, mas também de resiliência e força. O ano de 1826 serviu de base para que a Uruca Game Studio criasse o game Mandinga: A Tale of Banzo. O período do Brasil imperial foi marcado pelo regime escravocrata e, também, pela coragem daqueles que lutavam em nome da liberdade. Ambientado na Bahia, o jogo acompanha a saga de dois africanos em situação de escravidão que lutam para sobreviver, fugir das atrocidades impostas pelo sistema e encontrar o Quilombo do Urubu, lugar onde os fugitivos poderiam encontrar segurança e esperança de uma nova vida.


Desenvolvido por Philippe Lepletier, o lançamento teve o roteiro inspirado na ideia original do mestre em História Suâmi Abdalla-Santos. Ele teve o cuidado de recriar o contexto histórico da narrativa. O jogo acompanha a trajetória de Akil, da etnia mandinga. Ele é um mulçumano intelectual com conhecimentos diversificados. O senhor da fazenda, Gaspar, colocava Akil para trabalhar com pequenas vendas na cidade de Salvador. Ele possuía um casebre perto das hortaliças. O outro protagonista se chama Obadelê, da etnia iorubá, um forte guerreiro da capoeira. Por não se comunicar tão bem, mas possuir extrema força, Gaspar o colocava para trabalhar na lavoura, sob sol forte, por mais de 12 horas diárias, sem descanso.

O jogo alerta sobre um fato muitas vezes desconhecido pelos brasileiros. Os negros escravizados eram bem distintos entre si, tinham culturas, línguas e crenças diversas. Muitas vezes essas diferenças se refletiam na própria situação dos escravizados, pois alguns possuíam tratamento diferenciado e ocupavam postos de serviços menos penosos que outros. "A Uruca Game Studio veio produzindo jogos com temáticas brasileiras desde o lançamento do jogo Banzo: Mark of Slavery", revela Philippe Lepletier. "Começamos a gostar de contar essas histórias escondidas da cultura brasileira. Histórias que são ensinadas para a gente nas escolas, mas que não ganham reforços na mídia pop de hoje em dia e acabam se perdendo, se esquecendo", completa.


A ideia da criação de Mandinga: A Tale of Banzo teve início no começo de 2018, mas o desenvolvimento completo do jogo se deu em dois anos. A equipe foi formada por seis profissionais que trabalharam à distância. O game foi feito com patrocínio da Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Distrito Federal por meio do Fundo de Apoio à Cultura (FAC-DF) e já está disponível para compra por meio da plataforma Steam.

"Mandinga é um game que traz informação e reforça a cultura brasileira, trazendo a memória para que as pessoas se recordem das nossas raízes. Queremos que o jogo toque as pessoas nesse sentido, de fazer elas conhecerem, se identificarem e defenderem a história cultural do Brasil", afirma Philippe Lepletier.

Jogabilidade

Tendo como cenários a fazenda de plantação de cana-de-açúcar e cidades da Bahia, o jogo promove batalhas em turnos, da mesma forma que os clássicos jRPGs da Era de Ouro dos consoles SNES e Mega Drive. A diferença é que o conjunto de dados é utilizado para atacar e lançar habilidades. Itens equipáveis, como armas, armaduras, acessórios e habilidades destravadas por nível fornecem um dado para o conjunto do personagem. O máximo de dados que cada personagem pode jogar, em uma batalha, é cinco. O jogador pode montar até cinco desses conjuntos para serem usados durante a batalha, podendo trocar conforme a estratégia do momento.



Mandinga: A Tale of Banzo é um spin-off de outro título da empresa: Banzo – Marks of Slave. Banzo foi o primeiro game da Uruca Game Studio a participar de um edital de fomento à cultura. Trata-se de um jogo de gerenciamento de um quilombo, o quilombo do Urubu, que ficava onde é hoje o parque São Bartolomeu, na Bahia. O jogador precisa dar ordens aos quilombolas para treinarem, produzirem e fazerem incursões na cidade de Salvador.

Uruca Game Studio

Fundado em em 2013 por Philippe Alves Lepletier,  o Uruca Game Studio é um estúdio independente localizado em Brasília. A empresa já fez títulos para várias plataformas e tem, como objetivo, criar jogos encantadores e inovadores, explorando novos tipos de jogabilidade que podem fornecer novas experiências interativas e revolucionárias.

Ficha técnica

Philippe Alves Lepletier: Diretor de Projeto e Game Designer
Lahiri Abdalla: Roteirista
Arlam Júnior: Músico
Diego Pablo Alves Rodrigues: Programador
Thiago André Araújo dos Santos: Artista

Serviço
Mandinga – A Tale of Banzo
Compre na plataforma Steam: https://store.steampowered.com/search/?publisher=Uruca%20Game%20Studio
Site oficial: http://www.urucagames.com.br

Mês da Criança tem nova feira Catavento no Pier 21

Nas vésperas do Dia da Criança, o shopping Pier 21 (Setor de Clubes Esportivos Sul) abre as portas outra vez para receber uma nova feira Catavento nos dias 8, 9 e 10 de outubro. O evento trará uma série de expositores com produtos para toda a família das 12h às 21h. O público poderá comprar artesanatos diversos, roupinhas de boneca, telas de pintura, acessórios, moda, gastronomia e muito mais. O Pier 21 oferece estacionamento coberto e gratuito de segunda a sábado, das 11h às 15h.

Uma das novidades desta edição é a área pet, localizada na praça Rosa dos Ventos. Lá estarão expositores que venderão produtos para vários tipos de animal de estimação. O destaque vai para a presença da Fazendinha BSB, que estará com duas estações repletas de atividades nos três dias, das 11h às 20h. Na Estação Ambiental, as crianças terão a oportunidade de plantar uma mudinha e continuar os cuidados em casa. Serão doadas hortaliças como coentro, couve, rabanete etc. A atividade promove a interação com a natureza e o entendimento do processo de crescimento agrícola.


Já a Estação dos Animais promete encantar as famílias. O público poderá interagir com vários animais, além de tirar fotos com eles. A ação trabalha a consciência corporal sobre outros seres vivos e o cuidado com os bichos. Minicabras, coelhos, calopsitas e pintinhos de verdade vão marcar presença e surpreender todos que passarem no centro de compras.

A Fazendinha BSB oferece um mergulho no campo em pleno coração da cidade. Possui mais de 10.000 m² de área verde, num espaço amplo e seguro. As visitações acontecem de quarta a domingo, sempre com agendamento prévio. São dois turnos: manhã, de 9h às 12h; ou tarde, de 15h às 18h. Mais informações no WhatsApp: (61) 98260-7813.


A decoração da feira Catavento fica a cargo da Up Party Balloons, comandada por Elaine de Oliveira. A empresa é especializada em arte com balões, atuando desde 2007 no mercado. Tem como clientes várias celebridades, como Hugo Gloss, o cantor Wesley Safadão, o DJ Alok, o casal de atores Bruno Gagliasso e Giovanna Ewbank, entre tantos outros. A loja-sede fica localizada na Avenida Parque Águas Claras nº 25 loja 2, enquanto uma filial foi montada no Colorado. Além das decorações, a UP Party Balloon faz cursos individuais e seminários de arte com balões. Acompanhe no instagram @uppartyoficial.

Serviço
Feira Catavento
No shopping Pier 21 (Setor de Clubes Esportivos Sul)
Dias 8, 9 e 10 de outubro
Sexta, sábado e domingo, das 12h às 21h
Programação paralela na praça Rosa dos Ventos
Entrada franca
Classificação livre

Delícias interativas no Dia da Criança da Kawaii Pan

Conhecida por criar lanches divertidos e lúdicos, a Kawaii Pan não poderia deixar de aproveitar o Dia da Criança para lançar novidades que unem entretenimento e sabor. Por isso, Evelyne Ofugi criou uma saborosa opção de presente inspirada no brinquedo que está super em alta: o pop it. Febre no TikTok, o fidget toy de silicone formado por bolhas coloridas ganhou uma releitura irresistível feita com massa de biscoito.



O kit Confeitando Pop It da Kawaii Pan custa R$ 20 e é formado por dois biscoitos assados de 10cm x 10cm nos sabores chocolate e baunilha. Além disso, o presente inclui dois glacês e confeitos de chocolate coloridos para que a criança decore a delícia de acordo com a sua criatividade.

Outra opção são os kits para piquenique com suco. A partir de R$ 20, o cliente decide como quer montar o seu selecionando itens entre as inúmeras opções que a Kawaii Pan oferece, como pãezinhos no vapor, biscoitos e pães de queijo e outros salgados. As encomendas podem ser feitas por WhatsApp: (61) 99459-9037.



Sobre a Kawaii Pan

Referência quando o assunto é alimentação saudável e divertida, Evelyne Ofugi criou a Kawaii Pan com a proposta de oferecer lanches lúdicos para todas as idades. Kawaii significa “fofinho” em japonês e este é o primeiro adjetivo que vem à mente ao ver as delícias criadas por ela. A empresa também oferece personalização para eventos e cestas de café. Evelyne é autora dos livros “Alegria na Cozinha: Festas Saudáveis e Divertidas” e “Alegria na Cozinha: Lanches Divertidos”, ambos da editora Senac-DF. Ela ministra cursos e workshops sobre o assunto para crianças e adultos. Possui ainda várias qualificações na área, como: Bases Nutricionais Infanto Juvenil; Menu para crianças; Aproveitamento de Alimentos; Educação infantil - Características e singularidades e Nutrição Funcional, além do curso de Child Nutrition and Cooking, pela Universidade de Stanford.


Serviço

Kawaii Pan

SHCES Quadra 507 Bloco C Loja 15 - Cruzeiro Novo - Brasília

Horário de funcionamento: de segunda a sexta, das 8h às 16h.

Informações e encomendas: (61) 99459-9037

Siga nas redes sociais: https://www.instagram.com/kawaii.panbrasilia/

Presente para a família no shopping Liberty Mall

Este mês, Brasília completou 61 anos e o shopping Liberty Mall (Setor Comercial Norte) une a celebração do aniversário da cidade com o Dia das Mães e lança a promoção “Brasília 61 - Capital Acolhedora”. A cada R$ 300 em compras nas lojas participantes, o cliente ganha um par de chinelos com temas que são a cara da cidade. São quatro modelos, com estampas da Catedral de Brasília, Ponte JK, Esplanada dos Ministérios e as famosas Tesourinhas.

A ação vai até o dia 9 de maio ou enquanto durar o estoque de brindes. Para mais informações, confira o regulamento completo no site https://libertymall.com.br/. Valorizando a economia local, os calçados são Koc Pitt - localizada no Polo JK, é a terceira maior fábrica de sandálias de borracha do Brasil. Os chinelos estão disponíveis nas numerações 35/36, 37/38, 39/40, 41/42 ou 43/44.



A promoção troque e ganhe “Brasília 61 - Capital Acolhedora” surgiu como forma de demonstrar carinho e agradecimento ao DF. "Assim como uma mãe, nossa cidade recebeu e recebe brasileiros de vários estados de braços abertos", explica Alexandre Mendes, superintendente do shopping.

Estacionamento

Para estimular ainda mais a presença do público no centro de compras, o shopping Liberty Mall está com o estacionamento grátis aos sábados. Assim, os clientes podem parar seus veículos em vagas cobertas sem precisar pagar.

Serviço

Brasília 61 - Capital Acolhedora
Até o dia 9 de maio de 2021
Shopping Liberty Mall - SCN Qd. 2 Bloco D
Regulamento: https://libertymall.com.br/
Informações: (61) 3328-8915
Siga nas redes sociais: @shoppinglibertymall

Foco Cia de Dança estreia o espetáculo Mamadook

Espetáculo de dança contemporânea abre 2021 com temas que abordam a ressignificação da mulher na contemporaneidade. Em cartaz no Cine Drive-in de Brasília.

A divindade guardada em cada mulher e o ambiente desrespeitoso onde a figura feminina é incansavelmente colocada serão temas do novo espetáculo da companhia brasiliense Foco Cia de Dança. Ensaiada em 2020, durante a pandemia, a obra de dança contemporânea Mamadook vai abrir o ano de 2021 em apresentação em vídeo no Cine Drive-in de Brasília (Centro Desportivo Presidente Médice – Asa Norte).  


A produção conta com coreografia do paulista Cesar Dias e estará em cartaz no dia 14 de janeiro, quinta-feira, em sessões às 19h30 e 21h30. Ingressos: R$ 40 o carro, podendo caber até quatro pessoas. Vendas pelo link: MAMADOOK - Foco Cia de Dança - 19h30 - Sympla. Não recomendado para menores de 16 anos.   

“Quis abordar a questão da antiguidade e da modernidade. Por meio de uma deusa pagã, vamos mostrar como a vida surgiu, sempre de uma mulher. Uma mulher que é fonte de luz, do saber, da existência humana”, destaca o coreógrafo Cesar Dias. 

A experiência, ora marcada pela solista, ora uma simbiose dos bailarinos em metáfora à simbiose da mulher com suas crias, poderá ser vivenciada nas sessões que mostrarão os bailarinos em formato cinema.  

“Nossa ideia é colocar a mulher na centralidade de tudo, porque ela tem que estar. Sei que é difícil, sendo homem, me colocar na posição do gênero feminino e de colocar isso em cena. Precisamos enaltecer essa mulher o tempo todo, afinal, ela é a geradora da vida”, explica Dias. 

Cesar é bailarino há mais de 20 anos e, desde 2015, atua como coreógrafo de renomadas companhias de dança de São Paulo e do Brasil.


Com direção de Renato Fernandes e produção da bailarina e também coreógrafa Naedly Franco, ambos fundadores da Foco Cia de Dança, Mamadook (nome criado por Cesar Dias em referência à mamute) chega aos palcos com um corpo de baile renomado, com coreografias  marcantes que apresentarão a ressignificação do feminino por meio da dança contemporânea. 

Mamadook conta com o patrocínio da Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Distrito Federal por meio do Fundo de Apoio à Cultura (FAC-DF). Realização Foco Cia de Dança. 

Espetáculo enfatiza a força da mulher

Cenas e coreografias fortes, com uma trilha sonora, figurino e cenário também impactantes realçam a produção idealizada por Cesar Dias ainda em 2016. Mamadook vem de mamute. “Mas também pode fazer referência à mama da mulher”, interpreta a coreógrafa e produtora Naedly Franco. 

E é essa mulher e todo o feminino que a Foco Cia de Dança vai revelar por meio de um balé que dialoga com a antiguidade e também com a modernidade. 

“Vamos colocar a primeira mulher do mundo como sendo a mãe de todos nós. A deusa é nossa história e, na dança, ela é colocada sempre como o ponto inicial da humanidade”, ressalta Cesar Dias. 

Em 2017, o coreógrafo paulista descobriu a Foco Cia de Dança via Instagram. E foi de sua parceria com Renato Fernandes e Naedly Franco que a ideia se concretizará em 2021. 

“Achei incrível o trabalho da Foco e a forma como a equipe conduz suas coreografias. Foi quando procurei a companhia e, de forma sutil, por vídeos, fizemos uma audição e começamos a montar o espetáculo primeiramente via Zoom, depois em ensaios presenciais que vão dar origem ao que vocês poderão assistir no Drive-in, em primeira mão”, exclama, feliz. 


Fundada em 2014, a Foco Cia de Dança é uma companhia brasiliense que ficou reconhecida em todo o Brasil por sua direção, bailarinos e concepções únicas de espetáculo. Bailarina e protagonista de Mamadook, Bárbara Albuquerque fará a deusa pagã que terá momentos solos e também em conjunto. 

Naedly Franco, que também dança na peça, ressalta a importância de retratar a invisibilidade imposta à figura feminina na sociedade. “Mamadook tende a romper o emaranhado desrespeitoso no qual, incansavelmente, a figura feminina é colocada. Tenta também suscitar a poderosa divindade guardada em cada mulher, de forma que torne translúcida a mulher visceral e forte, a ser evidenciada e venerada”, explica Franco.  

Fundador da Cia e também diretor do espetáculo, Renato Fernandes acrescenta: “Mamadook está além de apenas mais uma produção da Foco Cia de Dança. A obra é também o resultado de muito empenho, o rompimento de muitas barreiras, dentre elas, a distância provocada pela pandemia“. 

Renato, em parceria com a produção, também prezou pela acessibilidade. O intérprete de libras Raphael dos Anjos fará a tradução da parte introdutória e falada do espetáculo. Haverá ainda caderno em braile. 

Veja o vídeo: https://www.youtube.com/embed/RQnMWl3D2Wo

FICHA TÉCNICA - Mamadook 

Direção: Renato Fernandes 

Coreografia: Cesar Dias 


Elenco: 

Bárbara Albuquerque 

Iago Gabriel 

Inara Ramos 

Luig Ernani 

Lívia Bennet 

Naedly Franco 

Poliana Araujo 

Renato Fernandes 


Produção: Naedly Franco

Coordenação Geral: Poliana Araujo

Coordenação Administrativa: CHANG Produções 

Iluminação: Marcelo Augusto 

Operador de som: Juana Miranda

Figurino: Bruno Ferraz 

Design Gráfico: Renato Fernandes 

Filmagem: Marcus Kin

Fotografia: Tayla retratos & Oneclip

Hairstylist: Hérica Fernandes 

Visagismo: Hailla Fernandes 

Assistente de palco: Brenneth Meireles 

Assistente de coreografia: Ana Paula Trevisan

Intérprete de libras: Raphael dos Anjos

Assessoria de imprensa: Baú Comunicação Integrada


Elenco de apoio: 

Clara Molina 

Vitor Hamamoto 



Apoio: 

Centro de Dança do DF

Escola de Dança Noara Beltrami 

Bailacci Academia de Danças 

678 Escola de Dança 

Backstage Dance Center 

Casa Criativa Foco 

Teatro Sesc Newton Rossi


Serviço:

 Mamadook

Local:  Cine Drive-in de Brasília (Centro Desportivo Presidente Médice – Asa Norte).  

Data: 14 de janeiro de 2021, quinta-feira

Horário:  19h30 e 21h30

 Ingressos: R$ 40, o carro, podendo caber até quatro pessoas

Vendas: MAMADOOK - Foco Cia de Dança - 19h30 - Sympla

 Não recomendado para menores de 16 anos   

Informações: Instagram: @focociadedanca

Acompanhe a Foco em: Foco Cia de Dança - YouTube


Cia de Cantores Líricos de Brasília apresenta projeto Beethoven, 250 Anos de Música

Um dos pilares da música ocidental, Ludwig van Beethoven (1770-1827) foi um compositor alemão que viveu no período de transição entre o Classicismo (Século 18) e o Romantismo (Século 19).  Tendo como mote os 250 anos de Beethoven e sua importância histórica, a Cia de Cantores Líricos de Brasília preparou uma homenagem ao artista, que será revivido em sua única ópera: Fidelio.

Ensaiada durante a pandemia, Fidelio será apresentada ao vivo nesta sexta-feira, 11 de dezembro, no canal do YouTube da Casa Thomas Jefferson. Para a interpretação, o grupo fará uma “cortina lírica”, ou seja, apresentará partes musicais sem as cenas teatrais.

Os cantores estarão presentes no local, que fica na 706/906 Sul, gravando para o público assistir de casa. Já no dia 18 e 20 do mês, respectivamente sexta e domingo, a apresentação será também às 20h  no canal no YouTube da Cia de Cantores Líricos de Brasília. Todas as apresentações são gratuitas e livres para todos os públicos.

Além de Fidelio, a companhia também apresentará outros trabalhos do compositor. “São 250 anos de Beethoven. Ele era reconhecido pela carga emocional que colocava em suas composições. Destas, destacam-se obras para piano solo, música de câmara e até mesmo músicas vocais, como canções e uma ópera. Apresentaremos um resumo de sua única ópera, Fidelio, além de outras obras icônicas deste compositor”, adianta a musicista e uma das fundadoras do grupo, Renata Dourado.

Nascido em Bonn (atual Alemanha) em 1770, este papa da música viveu em uma época conturbada, marcada por revoluções e guerras. Mas, cercado de grandes mestres, como Haydn e Mozart, foi eternizado por suas belas composições. Seu talento excepcional para música foi revelado quando, ainda com oito anos de idade, foi confiado a Christian Gottlob Neefe (1748-1798), o melhor mestre de cravo da cidade de colônia da época.

Sinopse de Fidelio - Para quem não conhece a história, Florestan é um homem injustamente acusado, capturado e encarcerado. Desde então, sua esposa Leonora passa a procurá-lo incessantemente. Para isso, ela se disfarça de homem e começa a trabalhar de prisão em prisão. Neste momento, ela trabalha numa prisão junto a outros personagens: Rocco, o carcereiro que só pensa em dinheiro; sua filha Marzelline e seu assistente Jaquino. Leonora, disfarçada de homem, trocou seu nome para Fidelio e ainda tem que lidar com um drama: seu disfarce fôra tão bem elaborado que Marzelline se apaixona por Fidelio. É quando o seu pai, Rocco, fará de tudo para que ela se case logo. Porém, Jaquino, o assistente, já estava apaixonado por Marzelline e insiste bastante nessa relação. É assim que a ópera começa: Jaquino querendo se casar e Marzelline dispensando os cortejos.

Nesta interpretação, Renata Dourado dará vida a Marzelline. Daniel Menezes estará no papel de Jaquino. Thiago Rocha será Florestan, enquanto Érika Kallina e Aida Kellen se revezam como Leonora. Já Gustavo Rocha sera os personagens Rocco e Pizarro. No piano, Rafael Ribeiro irá, ainda, abrir a apresentação interpretando umas das obras para piano mais conhecidas de Beethoven: Für Elise.

Für Elise - “Pode parecer estranho, mas pouco se sabe sobre esta obra. Podemos afirmar que foi composta em 1810, quando Viena estava ocupada pelas tropas napoleônicas. Também podemos dizer que o manuscrito original está perdido. Contudo, existem muitas dúvidas sobre a obra e a mais instigante delas é: quem foi Elise? Ironicamente, apesar de tanto mistério ao redor da obra, este rondó de cinco partes se tornou uma das músicas mais conhecidas no mundo todo, mesmo tendo sido publicada apenas 40 anos após a morte do compositor”, destaca Dourado.

Ainda na apresentação, o público poderá ouvir Romance n. 1, tocada por Ivan Quintana ao violino e Ilka Jussara ao clarinete, e uma bela performance da Sinfonia n. 9, ou a Nona, de Beethoven. A obra musical foi a primeira a quebrar vários padrões de seu gênero: trouxe uma ampla instrumentação, possui uma duração muito maior que a maioria das sinfonias do período e tem cantores, tanto solistas quanto coro, fato inédito até então. Beethoven já era surdo quando compôs a Nona. 

“A letra cantada é o poema Ode à Alegria, do escritor alemão Schiller. Devido seu reconhecimento e importância simbólica, a música tornou-se o hino oficial da União Europeia”, conclui Gustavo Rocha, também cantor, professor e fundador da Cia de Cantores Líricos de Brasília.

O projeto Beethoven, 250 Anos de Música conta com o patrocínio da Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Distrito Federal por meio do Fundo de Apoio à Cultura (FAC-DF). Realização Cia de Cantores Líricos de Brasília.

Sobre a Cia de Cantores Líricos de Brasília

A Cia de Cantores Líricos de Brasília surgiu em 2008 por meio da união de cantores líricos de Brasília que resolveram contribuir com o cenário musical da cidade. Todos os cantores realizam apresentações musicais, shows, concertos, recitais, óperas e casamentos, em performances em grupo ou solo.

Renata Dourado e Érika Kallina são sopranos e atuam tanto em produções da Cia de Cantores Líricos, quanto em outras produções musicais da cidade. Gustavo Rocha é um dos barítonos mais atuantes de Brasília e, além de cantar nas produções da companhia e em outras produções no DF, também divide a produção dos espetáculos com a soprano e produtora Renata Dourado. Além da performance musical e cênica, os cantores ministram aulas individuais de canto.

 

Ficha técnica:

Seleção da ópera “Fidelio”, Op. 72. a. Dueto Marzelline e Jaquino

b. Ária Pizarro

c. Ária Leonora

d. Dueto Florestan e Leonora

e. Quarteto

Marzelline: Renata Dourado

Jaquino: Daniel Menezes

Florestan: Thiago Rocha

Leonora: Érika Kallina e Aida Kellen

Rocco: Gustavo Rocha

Pizarro: Gustavo Rocha

Piano: Rafael Ribeiro

2. Bagatela n. 25 em Lá menor (WoO 59, Bia 515) “Für Elise

Piano: Rafael Ribeiro

3. “Duncan Gray”, WoO 156 n. 2 [G. 227 n. 2], das 12 Canções Escocesas

Soprano: Aida Kellen

Tenor: Thiago Rocha

Barítono: Gustavo Rocha

Violino: Ivan Quintana

Clarinete: Ilka Jussara

Piano: Rafael Ribeiro

Assessoria de imprensa: Baú Comunicação Integrada

 

Serviço: Cia de Cantores Líricos de Brasília em Beethoven, 250 Anos – apresentação da ópera Fidelio e composições eternizadas do compositor em lives

Data: 11 de dezembro

Local: Canal do YouTube da Casa Thomas Jefferson: (7) Casa Thomas Jefferson - YouTube.

Horário: 20h

Data: 18 e 20 de dezembro, sexta e domingo

Horário:  20h

Local: YouTube da Cia de Cantores Líricos de Brasília: Cia de Cantores Lirícos de Brasília - YouTube

Gratuito

Livre para todos os públicos

Informações: Instagram: @ciadecantoresliricos  e Facebook:  https://www.facebook.com/ciadecantoresliricosdebrasilia/

Clipping

A Baú Comunicação Integrada oferece aos seus clientes no final do contrato um clipping. Podemos dizer que o clipping é um processo que consiste no monitoramento constante de matérias jornalísticas, para que sejam coletadas aquelas que fazem menção a uma determinada empresa. Com essas informações devidamente organizadas, é possível elaborar relatórios que auxiliam a empresa a disseminar informações de forma mais planejada, além de serem fundamentais para toda a gestão da informação. Atualmente, as empresas que oferecem esse serviço disponibilizam uma ampla cobertura que pode ir desde os sites e jornais impressos até as rádios e os canais de televisão, isso sem contar no monitoramento de opiniões dos leitores nessas mídias. Dessa forma, é possível que a empresa tome conhecimento de qualquer tipo de veiculação relacionada a ela e acompanhe o desempenho das ações de seu assessor. Fonte: Vinicius Santos, do Dino Blog



Contato
Camila Rezende e Michel Toronaga
61 99333-0579 / 61 98185-8595
Brasília - DF